A volta dos que não foram...

e pelo visto não querem ir.


Eu realmente não estou entendendo esta family. Não sinto da parte deles nenhum entusiasmo em fechar comigo, mas por outro lado eles não largam o osso. Eu sinceramente não tenho nenhum impecílio paupável para fechar com eles, mesmo que não me agrade o fato de que não vou ter carro quando estiver off. E cá pra nós, antes que intrometidos pensem que eu estou sendo exigente demais, quem sabe td que eu passei por causa da bendita CNH, sabe que o mínimo que eu posso querer é ter um carro para me locomover sem depender de ninguém ficar me carregando p lá e pra cá. 

Mas ok, transporte perto, kids lindas, cidade melhor impossível... mas quer saber o pior de tudo... não sinto nada pela família. O que me leva a questionar... se eles me ligassem querendo um match, o que eu diria? De bate e pronto na minha kbça vem não. Sério gente... n tenho entusiasmos em relação a eles. A host sempre me parece muito séria, fria, seca... sei lá... não há um bom feeling em relação a eles. 

Entretanto a minha razão não encontrou nenhum motivo que justificasse o fato de que até o momento eu não quero fazer match com eles. Enfim, muito confusa...

O que vocês acham... vocês fariam o match mesmo sem o entusiasmo? Mesmo cheias de dúvidas? Mesmo eles parecendo sem nenhum entusiasmo com a possibilidade de você ser a au pair deles?

Não sei... mas já pensei em dispensá-los várias vezes hoje. 

Help me!

Bjoss 

14 comments:

Liii said...

Oie

Bom, uma coisa eh certa! Nem tudo eh o que parece, porque ja vi zilhoes de meninas que sentiram aqueeele 'feeling' com a familia, eles eram super alegres e atenciosos nos e-mails e chegaram la e a familia era uma merda, gente louca e talz. Outra coisa eh que, contato pela internet eh complicado, nao eh como estar conversando cara a cara, que da pra saber a expressao e o tom de voz das pessoas.
Eu nao sei de todos os detalhes da familia que vc esta conversando entao nao poderia opinar em qual decisao tomaria, mas pra mim o mais importante eh saber que a familia vai me respeitar e que o lugar nao eh no fim do mundo, especialmente se nao vai ter carro.

Espero que resolva logo isso, e que tome a melhor decisao possivel.

Beeeijos

JuJu Pan said...

É meia, to bem na fita ao lado do Obama!!! hauahua

Então, cada caso é um caso... Eu axo que nao precisa morrer de amores por uma family pra poder fechar com ela. Mas tbm acho q se uma pessoa ta falando ctg a primeira vez e nao faz questao de ser simpática, imagina depois com a convivencia??? A minha primeira family da CC foi assim... a mulher falou cmg super rápido, curta e grossa, não deu nem espaço pra uma conversa... Me dispensou, depois que eu ja tava conversando com essa family do Colorado ela me ligou dinovo, num quis nem atender... O lugar era perfeito (Boston), mas tipo se voce nao se sente a vontade com a pessoa... fica meio dificil!!!

Enfim, ora muito, pensa direitinho, faz o que teu coração mandar. É uma decisão complicada, mas tenho certeza que voce saberá tomá-la...

Grande bjo

Larissa N. said...

Oie, olha, eu acho que sentir o feeling é importante, pq pensa só, se vc já tá desempolgada aqui, imagina lá, com uma família super fria e que não demonstra nem ao menos que se sente feliz com vc morando na casa deles...acho que isso iria fazer vc se sentir meio que uma 'intrusa'. mas isso é só a minha opinião.

outras famílias vão surgir, e quando for a certa, vc vai sentir! e mesmo a city sendo boa, as kids tbm, vc tem que se sentir confortável em 1° lugar né, afinal, é um ano.

como diz a Lii, espero que vc tome a melhor decisão, segue teu coração!

Beeijo

Hane said...

may eu concordo com o comentario da ju. claro q tem mta menina q sente o feeling e chega lá entra em rematch. mas é melhor sair daqui com o tal feeling do q fechar so por achar q a familia eh boa. afinal de contas, se dps mesmo com o feeling a pessoa entrar em rematch, pelo menos assim nao vai se sentir culpada dp.

bjuuuuuuuuu!! e q deus te ilumine para a decisao :)

Viviane Damasceno said...
This comment has been removed by the author.
Viviane Damasceno said...

Olha May,
sinceramente eu acho que acima de tudo, a gente tem que entender q esse programa de au pair é trabalho..
qd vc vai trabalhar numa empresa, vc espera sentir feeling toda vez q faz seleção?
Acho que não..

O feeling é importante e tals, afinal vc vai ficar 1 ano longe sua familia, sem aparo..

mas a vida é isso!
Temos q crescer e enfrentar todos os desafios.
Os kids são lindos? Ja conversou com eles? Se aproxime deles, eles são que interessam em 100%.

Se pai e mãe ver agrado mútuo, desencana e passa a sentir o feeling também. Pois tudo q os filhos gostam e querem perto, os pais dão.

Se aproxime das kids e vejam se são com eles que voce vai sentir o feeling.

LEO said...

excelentes os comentários, mas quero ressaltar o da viviane damasceno, concordo plenamente. O recado que mando para vc May é o seguinte: vc precisa rever a sua vida e antes de tudo e principalmente o programa au pair, o q vc quer da vida, quais são os seus objetivos, reler e compreender o programa q vc se inscreveu. Ter um carro a sua disposição, é seu e de todos nós direito! Mas lindinha, tudo tem a hora certa, e já q vc faz tanta questão disto, por não estuda para passar no concurso da receita federal de auditora fiscal, aí sim, não somente um, mas dois, três, quatro carros, vc poderá ter a sua disposição. Agora o q não tá certo é vc na condição atual fazer uma exigência desta! É por isto q vc ainda está aqui e continuará, viu? caso nao mude o seu modo de pensar. Quer moleza? fica em casa mastigando água! O q não dá para entender é uma pessoa q mal mal tá começando a vida, anda de ''buzão'' pra baixo e pra cima e agora quer um carro na garagem, só para ela??? Nada acontece por acaso,, e atraímos aquilo q nós sintonizamos. Se vc quer a Globo, saia do SBT, mude o seu canal! Entendeu o recado? Se não, posso dizer novamente! Boa sorte, viu? Sóo depende de vc. bjs.

Laine said...

decisão dificil hein May, seguinte eu penso que essa familia não é boa pra vc, se eles te quisessem mesmo já teriam fechado!

acho que o feeling é importante como disseram nos outros comentários, como tbm não é tudo...
acho que se uma familia ao menos te agrada, e te trata bem é o suficiente.

o que é o contrário do que ta parecendo, pq essa familia não ta nem ai pra vc, e nem vc ta empolgada com eles...
pela situação que vc expôs no blog eu não fecharia!

um conselho? não dispense, pq a APC tem a frescura de não dispensar familias, mas reza bastante pra eles sumirem, igual eu fiz, pedi pra Deus me iluminar, e se fosse uma boa familia que eu conseguisse o match, senão fosse era pra ele os afastarem de mim e foi no que deu (pq eu não ia ter coragem de dispensar) mesmo que a mulher não foi compreensiva e educada comigo...

pensa bem, reza bastante
e boa sorte na sua decisão, independente da que for a gente te apoia viu?

bjo

Fernanda Daniele said...

Oi May, obrigada pela força lá no meu blog. Fiquei mais feliz ainda por saber que vc continua torcendo por mim. Eu tb, estou na torcida por vc. Olha, eu acho que é muito importante vc se sentir "em casa", confortável com eles, afinal, vc terá que conviver com eles por um ano, então será bem mais difícil se vc não se sentir bem, concorda. Tá certo que é um trabalho e tal, mas aqui no Brasil, vc pode até trabalhar em lugar não muito legal, mas terá amigos e família por perto, sendo que lá, vc não terá. No meu caso, eu não senti feeling quando li a primeira carta da família, aquela da apc, porém, quando conversei no telefone, nossa eles foram maravilhosos comigo! A questão do carro, eu não terei um só pra mim, mas poderei usar o da família algumas vezes. Não me sinto mal por isso, pelo menos por enquanto, pois parece que o transporte da cidade é bem eficiente, mas vamos ver. Agora, sinceramente, acho que você não deve dar muita importância a algumas opiniões, pois ao que me parece, a pessoa não se importa com vc não!
Concordo com a Laine, faça o possível para não dispensar a family, sei lá, se eles são vegetarianos, fala que vc adora carne, e tal, sacou?
Boa sorte, estou na torcida pelo seu Match! Vc tem que fechar pra ir comigo!!!!!!!!!
Abraço

Luziane Borges said...

ai so pega meu exemplo minha familia enquanto eu tav ano brasil minha nossa era um sonho...cheguei la fiquei duas semanas....quer mais? faca o que o seu coracao mandar.bjsssssssss

Priscila said...

nao tem como agente dizer se vai ser bom ou nao, pq match eh SEMPRE dar um tiro no escuro. Agente so ve o presente depois q abre o pacote. MAs esse negocio de vc nao usar o carro isso eh variavel, pq vc vai ter q dirigir as criancas, entao vai ter um carro dando mole na garagem. qnd eu vim pra essa familia, eu tb nao podia usar o carro pra mim qnd estivesse off. MAs ai comeca posso ir na academia, posso ir na minha amiga aupair aki vizinha. e bla bla bla. agora eu saio pra baixo e pra cima com o carro. eh claro q ainda nao vou mto longe e tals. mas vc vai usar o carro mais cedo ou mais tarde, vc tera de ir pra escola e isso vc vai de carro tb.
na minha primeira familia sim, eu nao tinha carro era de jeito nenhum. mas ai vc vai ter e com o tempo vc adquire as coisas q ker.
se vc gostou da regiao e das criancas, acho q eh fundamental vc gostar das criancas pq vc vai passar um bom e longooooo mucadinhu com elas viu!!!
Bjinhuss, espero ter ajudado.
mas se vc nao se sentir segura dirigindo, bom ou vc pratica mtoooo ai no Brasil ou nao aceita. Pq eu dirijo minhas kids, mas bom, eh mta responsabilidade isso. Entao, vc realmente tem q se sentir confortavel dirigindo. MAs nao te eskenta os carros daki sao super faceis, entao vc so tem q se sentir bem de dirigir nas ruas e nao se o carro vai morrer e tals. kk

Cinthya said...

Oie,
Cheguei de viagem ontem e peguei seu recado!
Faco um post sobre London com dicas e custos assim que der ok?!
Tenho que organizar minha vida!

Um beijo
Cinthya

Simone Francêz said...

Oieeeeeee...

Eu fechei sem muito entusiamo...rs
Pq a família parecia boa ..álias é boa ...
Minha host tb parecia séria, seca, fria ...mas na verdade pessoalmente ela num eh ...eu acho que parecia isso pq ela resp. os emails qdo estava trabalhando ..e por email a gente num ve a reação da pessoa neh ...
Bom ..espero que dê td certo com essa ou outra familia...e se tiver q ser será ..
Um sinal , uma luz vai aparecer !
boa sorte



Boa sory

Raquelzinha said...

May!

Conselho de quem vive isso dia a dia... carro faz toda a diferenca! A nao ser que vc esteja no meio de NY ou outra cidade grande com todos os meios de locomocao a sua volta!
Nao existe coisa pior que nao poder sair de casa em pleno final de semana pq depende dos outros!
Ao contrario de Sao Paulo (meu lar doce lar) o transporte publico aqui eh bem fraquinho! O que adianta ter uma estacao de trem 5 milhas de casa, onde te leva p/ qualquer lugar, mas sem carro ou carona, nao tem como chegar????

Sorry se te deixei mais confusa!

Beijos